terça-feira, 16 de julho de 2013

Dia Internacional das Drag Queens

Hoje, no dia 16 de Julho, é comemorado o Dia Internacional das Drag Queens. 
Neste blog falo sobre todos os assuntos voltados à comunidade LGBT, mas sempre com enfoque nas Drag Queens, estes seres coloridos, cheios de graça, que transbordam alegria por onde passam e mexem com a imaginação de todos. Logo, não poderia deixar de homenagear estes seres que tanto admiro e respeito.

Ninguém sabe ao certo quando surgiram as Drag Queens. Homens que se vestem de mulheres existem desde os tempos de Shakespeare... Ou até mesmo antes dele.
Há quem diga que o termo Drag, que em inglês significa "arrastar" surgiu no século XVIII quando a moda ditava saias longas que se arrastavam pelo chão. Outros dizem que Drag são as iniciais em inglês de "drassed as a girl",  que em português significa vestido como uma garota.
As Drags estão presentes em todas as manifestações artísticas, no teatro, no cinema, nas baladas e estão conquistando cada vez mais seu espaço no mundo. A partir dos anos 80, "ser drag" tornou-se uma profissão.

Hoje em dia, existem vários segmentos envolvendo o termo "Drag Queen". Existem as Drags humoristas e caricatas, que como o próprio nome já diz são as que fazem humor; as top drags, que é o que está em ascensão  atualmente, são as drags que dublam, fazem shows mais elaborados e batem cabelo; as drags andróginas, que são as com aparência feminina e masculina ao mesmo tempo... Eu particularmente não gosto de rotulá-las. Independente de seu estilo, Drag Queen é um artista performático, que se doa ao personagem, levando alegria, diversão e magia por onde passam, exercendo fascínio sobre muitos.

E como hoje é o dia delas, deixo aqui todo o meu respeito, minha admiração e meu carinho às divinas Drag Queens que tornam o mundo mais glamuroso e purpurinado.

VIVA A NOSSA DIVERSIDADE! ELA É LINDA, E SUAS CORES... MAGNÍFICAS!

Perguntei a algumas famosas Drag Queens o que é, de fato, ser uma Drag... Segue a resposta de cada uma delas:




"Ser Drag Queen é exercer o dom divino da magia, da ilusão, da transformação. De levar aos olhos alheios a arte, a cultura, a informação, os modismos de música, moda, maquiagem. É levar a um caminho não percorrido pelos sensos comuns de que, tudo é possível. Homens viram mulheres, andróginos, com graça, com propriedade... Ser Drag Queen sempre foi ser o cúmulo da feminilidade. Elevar esse sentido ao extremo, exagerado mesmo. É fazer da expressão feminina do ser um meio de divertir, viajar, ganhar a vida, de exercer o amor."
                                             (IKARO KADOSHI)










"Ser Drag Queen é o mesmo que ser um trabalhador braçal, um bailarino, um cabeleireiro, um estilista, um assessor de imprensa. Um apresentador, um pai de família, uma dona de casa, um psicólogo, um pai, uma mãe... Só que tudo ao mesmo tempo. Uma Drag Queen leva o brilho e o glamour a todos, buscando levar sua arte e sua verdade adiante!"
                                            (ROBYTT MOON) 










"Drag Queen é ser positivamente energizante, acredito que esse mundo pode ser melhor através da arte da transformação, das cores do arco-íris e principalmente da vontade de fazer outras pessoas mais felizes. Alegria, encantamento, disciplina e muita frescura." 
                                               (RAINHA DAS FESTAS TCHAKA)














"Sonho, magia e imaginação resultam em diversão. Drag Queen tem que divertir, senão não é Drag." 
                                                                   (STEFANY DI BOURBOM)













"Para mim, é ser um palhaço de luxo. Vendendo diversão a quem precisa dela."
                                                                 (PRISCILLA DRAG)















"É uma filosofia de vida. Ter uma missão muito rara nos dias de hoje: levar alegria ao mundo de uma forma lúdica, divertida e super colorida. Ser Drag Queen é um estado de espírito." 
                   (DINDRY BUCK - ESQUADRÃO DAS DRAGS)













"Como costumo dizer: para mim, ser uma Drag Queen é ser uma personagem que tem a possibilidade de viver várias outras personagens." 
                                                        (ALEXIA TWISTER)











"Drag Queen é se expressar artisticamente, É extravasar toda sua alma colorida e cheia de alegria para divertir as pessoas."  
                                                          (LABELLE BEAUTY)














"Ser Drag Queen é levar brilho para quem te assiste, é levar magia e encanto para quem te observa, e deixar a alma falar por si só."
                                             (SAMYLLY VELLASKES)









Deixo aqui, em forma de vídeo, minha singela homenagem às Drags do Brasil e do mundo: