quarta-feira, 30 de abril de 2014

Tchaka: A Rainha do Bazar e da Feira da Diversidade



Em um papo descontraído, a Rainha das Festas Tchaka nos conta um pouquinho sobre sua carreira de sucesso e suas expectativas para a Feira da Diversidade e para a 18ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo.

A respeito do início de sua carreira, Tchaka nos confidencializa que "Em 2000 alguns amigos desistiram de viajar no Reveillon e resolveram que alguém se montaria para diversão da galera, maquiagem era pasta de dente e muita coragem." E ainda complementa e dá detalhes dessa brincadeira, que deu vida a tão querida e famosa Rainha. "Fiquei tão feia e esquisita que me deram o nome de uma mistura de macaco com sei lá o que, o famoso Tchaka do desenho Elo Perdido, profissionalmente fui substituir um ator em uma agência de telegrama animado e até hoje faço a alegria da galera de todo Brasil."



A respeito de seu Bazar e Feirinha, Tchaka alega: "Drag Queen Tchaka é empreendedora nata, vender está no meu DNA e o Bazar da Parada By Tchaka na Feira Cultural LGBT me dá um tesão danado. As peças esse ano foram feitas pelo estilista Robson Júnior, muitas expectativas para que seja lucrativa e que o nome Rainha Tchaka seka lembrado pela excelência em atendimento, produção e alegria."



Perguntamos a ela o que estava sentindo com tamanha responsabilidade nas mãos, por ser uma das apresentadoras oficiais da Feira da Diversidade pela primeira vez : "Quando a Associação da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo me ligou marcando uma reunião, em minha mente estava os detalhes da tenda para o Bazar da Tchaka, mas para minha surpresa o diretores artísticos Felipe Moreira e Fátima Fast Food me convidaram para ser uma das apresentadoras oficiais. Quase chorei! Um mix de felicidade por saber que depois de 14 anos de estrada minha meta, que é o prestígio, está super dando certo."



Ela nos conta como está se cuidando antes dessa maratona de importantíssimos eventos: "A responsabilidade de fazer o melhor é feita com disciplina na voz, muita água, dormir corretamente e ter o roteiro na ponta da língua, porque Tchaka é muito boa no improviso. Tentarei deixar a emoção controlada para fazer a galera que vai à Feira Cultural mais felizes que quando chegaram."


Para a Feirinha, o público pode esperar muita cor e glamour da indumentária de nossa Rainha. "O look da Rainha Tchaka nas apresentações da Feira Cultural LGBT de SP será assinado pelo costureiro das tops, divas, rainhas e ricas Robson Júnior. Meu pedido a ele foi que pudesse usar a criatividade e me deixar lindaaaa... Venho colorda e cheia de brilho dos pés à cabeça.  Venho montada para fazer as pupilas do público, imprensa, fãs e amigos dilatarem."

Mês de maio também tem Parada, para Tchaka "A maior Parada LGBT do mundo comemora sua maioridade, 18 aninhos de muitas conquistas, muitas histórias de luta e festa porque somos assim até para protestarmos usamos de festa, alegria e muita militância pensante. Espero da Parada que seja linda, sem violência e que todos possamos mostrar que somos muitos, que somos diferentes e precisamos ser respeitados na nossa diferença. Vivemos em um mundo onde a maioria está preocupada apenas com o seu "de cumê" como dizia os antigos, acredito que essas pessoas que são do meio LGBT e não fazem nada porque são acomodados em suas desculpas diversas. Mal sabem eles que estamos todos no mesmo barco."